Governo do Rio de Janeiro Rio Poupa Tempo na Web Informação Pública
Acessibilidade na Web  Aumentar letra    Diminuir letra    Letra normal
Home Saiba como se cuidar Saúde do viajante

É importante conhecer, com antecedência à sua viagem, os cuidados que devem ser tomados com a saúde. Consulte seu médico para uma avaliação, principalmente caso possua alguma doença pré-existente.

 

- Evite viajar na vigência de qualquer doença infecciosa aguda. Se precisar fazer uso de medicamentos sob prescrição médica, obtenha a receita e adquira os medicamentos na quantidade suficiente para toda a viagem, pois nem sempre é possível adquirir medicamentos em outros países, sem prescrição médica local ou ingressar em outros países com medicamentos na bagagem, sem as respectivas receitas médicas.

 

Certos países mantêm com o Brasil acordos internacionais recíprocos, que permitem o atendimento de cidadãos brasileiros pelas redes públicas de saúde. Para saber mais sobre o Certificado de Direito a Assistência Médica.

 

Considere ainda a possibilidade de contratar um seguro internacional de saúde particular.

 

 

Vacinas para viagem

 

Como medida de controle da febre amarela, alguns países exigem dos viajantes o “Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia” para o ingresso em seu território.

 

Acesse a lista países que exigem o certificado de vacinação.

 

A vacina contra febre amarela deve ser administrada pelo menos dez dias antes da viagem. Ela está disponível nos postos de vacinação, onde será aplicada e registrada no Cartão Nacional de Vacinação, com o número do lote da vacina e o local em que foi realizada.

 

Para a emissão do “Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia” (CIVP), você deverá procurar os Centros de Orientação ao Viajante da Anvisa, levando o seu Cartão Nacional de Vacinação e um documento de identificação oficial com foto.

 

TEMPORARIAMENTE O CERTIFICADO ESTA SENDO EMITIDO APENAS NO AEROPORTO INTERNACIONAL DO GALEÃO.

 

 

Certificado internacional de Vacinação

 

Lembre-se que o certificado internacional só será válido para ingresso no país estrangeiro após dez dias a contar da data da vacinação contra febre amarela. Para um rápido atendimento nos Centros de Orientação ao Viajante, você pode se cadastrar antecipadamente no Sistema de Informações de Portos, Aeroportos e Fronteiras.

 

É importante a atualização das vacinas de acordo com o calendário vacinal do Programa Nacional de Imunização do Ministério da Saúde. A rede pública do Sistema Único de Saúde oferece vacinas eficazes e gratuitas.

 

Outras vacinas também poderão ser recomendadas como medida preventiva ao viajante que se desloca para áreas de risco. Informe-se nos Centros de Orientação ao Viajante se existe essa indicação para o destino da sua viagem.

 

É bom lembrar que as vacinas geralmente têm um período, que varia entre 10 dias e 6 semanas, até atingir a proteção esperada. Por isso, devem ser aplicadas com a devida antecedência à viagem.

 

 

Informações de saúde no mundo

 

No site da Anvisa está disponível um aplicativo que informa sobre as orientações de saúde que se deve ter ao viajar para o exterior.

 

Basta preencher o formulário com os dados da sua viagem. Ao fazer isso, você terá acesso as recomendações para aproveitar o destino escolhido com mais segurança para a sua saúde.

 

Clique aqui para acessar.

 

 

Fonte: Guia de bolso da saúde de vigilante da Anvisa. Faça o download clicando no link abaixo:

Guia de Saúde do Viajante da Anvisa

Secretaria de saúde
Links interessantes:
PET Rio sem fumo Rio imagem 10 minutos salvam vidas Xô, Zika !!